quarta-feira, 7 de maio de 2014

Massa folhada



Desde que entrei no Curso de Gestão e Produção de Pastelaria da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto que a minha postura em relação à cozinha/pastelaria tem vindo a mudar. 
Sempre amei cozinhar, sempre me dediquei muito à pesquisa e fui experimentando novas receitas. 
No entanto, há coisas que nunca fiz. Massa folhada era uma delas. 
Se eu podia comprar uma embalagem por pouco mais de um euro, porquê que havia de fazer massa folhada? Além disso, o processo para fazer massa folhada parecia-me um bicho de sete cabeças.
Pois é. Dissiparam-se as dúvidas. Não só não é um bicho de sete cabeças como o resultado é tão bom que agora dificilmente volto a utilizar massa de compra.
Para além disso, uma receita dá para várias utilizações o que facilita a gestão do tempo. 
Experimentem e não se vão arrepender! 



500g de farinha
300ml água
375g margarina para folhados
5g de sal

Peneirar a farinha e coloca-la na bancada com um buraco no centro.
Adicionar o sal e a água pouco a pouco. Mexer do centro para fora, formando uma bola de massa. Trabalhar muito bem a massa.
Formar uma bola e fazer uma cruz em cima. Tapar com película e deixar descansar 10 min.
Tender a massa na forma de um rectângulo, colocar a placa de margarina para folhados sobre metade da massa. Cobrir a margarina com a outra metade.
Tender a massa na forma de um rectângulo. Dobrar 1/3 da massa e sobrepor o outro terço (como se fosse uma carta).
Virar a massa de forma a que a dobra fique voltada para nós.
Tender novamente sobre a forma de um rectângulo.
Repetir o processo: dobrar 1/3 da massa e sobrepor o outro terço.
Cobrir com película aderente e deixar descansar 10 minutos.
Voltar a fazer a dobragem dando a terceira volta à massa.
Tender novamente a massa e dobrar as extremidades da massa para o centro e fechar como se fosse um livro.
A massa fica pronta a usar.
Pode cortar em "patons" (porção de massa), embalar em película e congelar a massa que não utilizar de imediato.